A boa alimentação é cada vez mais valorizada quando se fala em manutenção de saúde e na prevenção de doenças. Nesse contexto atua a fitoterapia, na qual o tratamento é pautado na ingestão de ervas e plantas medicinais. Originada já há muito tempo, mas que tem ganhado cada vez mais espaço em nosso século também pelos seus efeitos na saúde e no bem-estar.

A fim de tirar as suas dúvidas separamos tudo sobre a fitoterapia e seus efeitos para o bem-estar, veja!

O que é a fitoterapia?
É um tratamento apoiado nos efeitos das ervas e plantas medicinais com potencial curativo e preventivo. O planeta possui uma diversidade enorme de plantas, endêmicas ou não, que têm substâncias altamente poderosas em seus efeitos. Esse conhecimento não é algo atual, porém tem ganhado cada vez mais destaque, principalmente pela cultura em vigor, que valoriza a naturalidade dos alimentos e tratamentos.

Como atuam os profissionais adeptos?
Por ser um tratamento, e não uma especialidade, vários campos aderem ao uso da fitoterapia para seus pacientes. Isso ocorre com a prescrição de ervas e plantas medicinais para tratar determinados quadros.

São diversos médicos, nutricionistas, veterinários, naturólogos e terapeutas, que hoje incorporam a prescrição de medicamentos naturais para tratamento de seus pacientes. A depender do objetivo do profissional, os medicamentos naturais podem atuar sozinhos ou aliados a outros medicamentos regulares.

Os benefícios são apenas para tratamento de doenças?
Com todas essas informações já percebemos que não. Os princípios ativos presentes nas medicações contribuem para a saúde em todos os aspectos. O paciente pode, por exemplo, estar interessado em melhorar a saúde da sua pele, cabelos e unhas. A medicina natural pode em muito colaborar com isso. Os efeitos serão ainda mais ricos por conta dos compostos naturais que entrarão no organismo pelo tratamento.

Quais são os efeitos na sua saúde e no bem-estar?
Os benefícios são colhidos em vários campos, de acordo com a demanda do paciente. Por causa da ingestão de elementos que contribuem para a manutenção da saúde há uma considerável melhora de qualidade de vida. Os compostos ativos podem atuar sozinhos ou em conjunto com outros tratamentos, em problemas de ordem física ou não, tais como os relacionados ao estresse e à ansiedade.

É possível que esses medicamentos atuem em campos da beleza e estética, sendo os problemas físicos tratados de dentro para fora. O consumo de substâncias específicas pode influenciar diretamente na saúde do corpo e por consequência na aparência dele. Os fitoterápicos, como são chamados, são reunidos e manipulados para objetivos específicos, a fim de trazer todos os benefícios que o paciente precisa. De forma específica e individualizada, os problemas são aos poucos tratados e atuam no bem-estar do paciente.

Ressaltamos a importância de associar a prescrição profissional ao consumo de medicamentos fitoterápicos. Assim como as medicações regulares, há efeitos colaterais e contraindicações. Tenha cuidado com o que consome e desfrute da melhor forma possível de toda essa riqueza natural.

Gostou? Não deixe de ler os outros artigos, visite nosso site, acompanhe as nossas redes sociais e compartilhe para que mais pessoas saibam sobre o nosso trabalho!