O dia mundial da água foi instituído em 21 de fevereiro de 1993 pela Organização das Nações Unidas (ONU), com o intuito de alertar a população mundial sobre a preservação dos bens naturais, sobretudo da água. A comemoração desta data traduz a importância de conscientizar a população mundial sobre este bem tão fundamental em nossas vidas.


“A água é o princípio de todas as coisas. ” (Tales de Mileto)

Sabemos que a água é um recurso finito e extremamente importante para o cotidiano de nossas vidas. Entretanto, sua exploração indevida ocasiona grandes danos ao planeta. Portanto, em 92, a ONU tratou de lançar um importante documento sobre a preservação da água.


Este documento recebeu o nome de Declaração Universal dos Direitos da Água, no qual 10 artigos destacam diversos aspectos importantes para o manejo adequado e exploração de recursos hídricos. Este manifesto serve até os dias de hoje como importante instrumento fiscalização dos diversos usos da água.


“O equilíbrio e o futuro de nosso planeta dependem da preservação da água e de seus ciclos. Estes devem permanecer intactos e funcionando normalmente para garantir a continuidade da vida sobre a Terra. Este equilíbrio depende em particular, da preservação dos mares e oceanos, por onde os ciclos começam. ” (Artigo 4 da "Declaração Universal dos Direitos da Água")


Todos os anos, a ONU escolhe um tema para celebrar o Dia Mundial da Água. Estes temas permitem uma reflexão e fomentam discussões extremamente relevantes sobre o assunto. Em 2018, o tema “soluções naturais para água” lançou luz a respeito de reflexões sobre a utilização de meios naturais para a preservação de recursos hídricos.
A água é responsável pela manutenção de ciclos de funcionamento da fauna e flora, bem como de mecanismos comuns entre metrópoles e campos de produção alimentícia ao redor do globo. De acordo com a ONU, a cada 20 anos o consumo mundial de água duplica. Isso pode gerar uma enorme crise de abastecimento que atingirá cerca de 2,8 bilhões de pessoas a partir de 2025.


Portanto, o Dia Mundial da Água não se trata apenas de uma data para comemorar a existência de um bem natural tão precioso, mas que serve também para que possamos refletir sobre o impacto que nosso consumo pode exercer para gerações futuras, pois assim como dito no artigo 5° da Declaração Universal dos Direitos da Água

“A água não é somente uma herança dos nossos predecessores; ela é, sobretudo, um empréstimo aos nossos sucessores.”